Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2015

BONECOS SEM INGENUIDADE - ESPETÁCULO DE BONECOS COM TEMÁTICA ADULTA

Bonecos sem ingenuidade  Eduardo Félix fala da difícil missão de quebrar ideias cristalizadas de um teatro que não tem nada de infantil
PUBLICADO EM 27/12/15 - 04h00
POR JOYCE ATHIÊ

Atrasado e ainda meio desnorteado, Eduardo Félix vai respondendo às perguntas sobre sua carreira, seus propósitos com o teatro de bonecos e as dificuldades a se enfrentar no mercado. Há 15 anos se dedicando à construção e manipulação de marionetes, ele se prepara para estrear o próximo espetáculo, ainda sem nome e, agora, também sem texto. “Acabei de ser assaltado há poucos dias e levaram meu computador com a adaptação do próximo trabalho que estreia em março. Vou ter que escrever tudo de novo”, conta com o humor de quem ainda não acreditava no ocorrido. Apesar de todo o retrabalho, a proposta do espetáculo já está desenhada na cabeça de Eduardo e diz muito dos propósitos do grupo que fundou: o Pigmalião – Escultura que Mexe. A história parte da junção de dois textos. O primeiro é “Alguém”, da bonequeira Conce…

MINHA VIDA DE ACORDO COM O TEATRO MÁGICO

Minha vida de acordo com O Teatro Mágico PUBLICADO EM: 19.02.2015 Encontrei essa TAG tão criativa no blog da Amannda Vitorino, e simplesmente TIVE que roubar pra mim! #soudessas. Na hora que vi as respostas dela, já soube com quem eu iria fazer as minhas: O Teatro Mágico! Sim, é por isso que teve post deles ontem (não viu?): estou inspirada na trupe. E quem é que não se sente inspirado ouvindo as estrofes poéticas de Fernando Anitelli e companhia?  Sem mais, vem ver como seria a minha vida de acordo com as músicas d’O Teatro Mágico! Regras:
A. Usando nomes de músicas apenas de um artista ou grupo, tente habilmente responder a essas 
perguntas. B. Passe para quantas pessoas você quiser.
C. Link quem te indicou.
D. Você não pode usar a banda/cantor que usei. Tente não repetir um título da canção.
E. Repost como “Minha vida de acordo com (nome da banda/cantor)”.
Obs: adicionei um trecho especial de cada música também, pois em alguns casos a resposta que quero dar é parte da letra, e não o nome da c…

DESTAQUES NACIONAIS MARCAM FESTIVAL DE DANÇA NO BRASIL

Destaques nacionais marcam
festival de dança A passos largos, O Boticário na Dança se consolida na cena cultural do Brasil O grupo inglês Michael Clark Company é um dos destaques internacionais (Foto: Jake Walters)
Um dos maiores encontros de dança do País está prestes a subir a dois palcos simultaneamente – o Festival O Boticário na Dança acontece no Auditório Ibirapuera, em São Paulo, e no Theatro Municipal, no Rio de Janeiro entre os dias 6 e 10 de maio. Apoiadora de uma das manifestações culturais que mais exaltam a beleza, a marca de cosméticos brasileira O Boticário consolida a edição 2015 do evento como uma plataforma importante para companhias de estilos distintos entrarem em contato com o público.

Sobre os dois palcos a dança vai unir diferentes influências: de um dueto encenado por Israel Galván, bailarino espanhol especialista em dança flamenca, ao prestigiado grupo inglês Michael Clark Company (que tem, entre os dois espetáculos previstos para o festival, um especialmente cria…

GRUPO CAMALEÃO DE BELO HORIZONTE-MINAS GERAIS-BRASIL - UM BRILHANTE TRABALHO DE DANÇA PARA O MUNDO

Fizemos o texto abaixo para ilustrar melhor nosso contexto e em anexo segue nosso portfólio para venda e o portfólio do Retina. Estamos vivendo um momento importante no Brasil, de luta pelos nossos direitos. Gostaria de compartilhar com vocês algumas questões, que fazem parte do meu universo de ação: o da cultura, da arte e especificamente da dança. Existe uma maneira de garantir que pelo menos parte de nossos impostos seja realmente destinada a  ações sociais importantes. Através das Leis de Incentivo à Cultura Municipal, Estadual e Federal, qualquer cidadão ou empresa pode destinar parte do imposto que inevitavelmente é pago (ISS, ICMS ou IR) para Grupos Artísticos. Esse imposto, que muitas vezes não se sabe no bolso de quem vai cair, pode então ser seguramente utilizado, no crescimento e na melhora da qualidade de vida da nossa cidade. Os setores culturais já sentem o impacto da crise nacional. O percentual de imposto estadual (ICMS) que deveria ser destinado a ações artísticas foi o…